Irineópolis é referência na conservação do solo e da água em SC

  • Post category:Mídia

Uma revolução na forma de produzir alimentos e se relacionar com o solo e a água. É isso que acontece no município de Irineópolis, no Planalto Norte Catarinense, que virou referência em práticas conservacionistas no campo. Há cerca de dois anos, o Governo do Estado, por meio da Epagri, se uniu à prefeitura e a dezenas de órgãos públicos e privados para colocar em prática o Programa Municipal de Conservação do Solo, da Água e das Estradas Rurais.

O Sistema de Plantio Direto prevê o uso de cobertura vegetal permanente sobre o solo (Fotos: Divulgação Epagri)

Um dos destaques é a adoção do Sistema de Plantio Direto, que prevê o uso de cobertura vegetal permanente sobre o solo. Essa prática diminui a erosão e melhora as condições químicas, físicas e biológicas do solo, beneficiando os cultivos agrícolas. Aliados a esse manejo, o terraceamento e o plantio em nível ajudam a conter as enxurradas, aumentam a infiltração de água no solo e reduzem os efeitos da estiagem.

Mais de 500 famílias são assistidas e já utilizam práticas de manejo de solo adequadas no município. Dentro do projeto, 80 hectares de lavouras que antes eram manejados de forma inadequada estão terraceados e plantados em nível. E só em 2020 foram orientados e acompanhados 170 hectares em plantio direto.

Com apoio da Epagri e da prefeitura, José Océlio de Castro protegeu uma nascente da propriedade e beneficiou sete famílias

Hoje 32 propriedades também dão destino adequado aos dejetos animais, transformando-os em adubo com o uso de esterqueiras. E a prefeitura já realizou adequações em 33km de estradas rurais.

A água é preservada como um tesouro. Para abastecer as famílias com qualidade, 20 nascentes foram protegidas e 5,5 hectares de mata ciliar estão recuperados. O município totaliza 91 fontes protegidas e isso fez diferença em um ano de estiagem prolongada como foi 2020.

Com apoio da Epagri e da prefeitura, José Océlio de Castro protegeu uma nascente da propriedade e beneficiou sete famílias. A fonte, com vazão de 1,2 mil litros por hora, ainda poderá atender dezenas de propriedades. “Sempre cuidamos da natureza e nunca precisamos nos preocupar com água. Essa nascente tem 1 alqueire de mata ao redor”, diz José.

EM 2020

• 289 famílias de Irineópolis foram orientadas em conservação do solo e da água.

• 53,5 hectares de matas ciliares foram recompostos em 138 propriedades de SC.

• A Epagri atendeu cerca de 10 mil famílias na área ambiental.

Conheça essas e outras histórias de sucesso no Balanço Social 2020 da Epagri:

Confira mais dicas da Epagri para conservação do solo: