Agroindústrias da região carbonífera estão mais perto de alcançar o mercado nacional

  • Post category:Mídia
Queijaria de Içara é uma das que podem ser beneficiadas

Agroindústrias de 12 municípios da região carbonífera catarinense estão a um passo de colocar seus produtos de origem animal no mercado nacional. É que o Consórcio Intermunicipal e Multifinalitário da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (CIM- Amrec) foi selecionado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para o projeto piloto que visa ampliar o mercado nacional de produtos de origem animal das agroindústrias de todo país.

Marcelo Silva Pedroso, médico-veterinário e extensionista da Epagri em Criciúma, conta que há mais de uma década a Epagri apoia as prefeituras da Amrec na instituição do Serviço de Inspeção Municipal (SIM). Para comercializar produtos de origem animal no âmbito municipal as agroindústrias precisam ter o selo do SIM.

Segundo Marcelo, desde 2008 a Epagri vem trabalhando na construção deste consórcio entre os municípios, para que os produtos de origem animal possam ser comercializados em todo o país. Mas, para que possam ganhar o território nacional, essas agroindústrias precisam, além de ter o selo SIM, aderir ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (SISBI), do Mapa.

No dia 29 de maio, o CIM-Amrec foi anunciado como um dos 12 consórcios selecionados no Brasil para receber apoio direto da equipe do Mapa para adesão ao SISBI. A disputa envolveu 55 consórcios.

A expectativa de Marcelo é de que pelos menos 50 agroindústrias familiares da região possam se beneficiar, caso o consórcio realmente conquiste a adesão ao SISBI depois da consultoria a ser prestada pelo Mapa. São agroindústrias que produzem derivados cárneos, lácteos, ovos, mel e pescados, como embutidos e queijos, dentre outros, que poderiam ser comercializados em todo o Brasil com o Selo do Mapa.

De acordo com Marcelo, já foi realizada pelo menos uma reunião entre o Mapa e CIM-Amrec após a seleção. Todo o processo segue com a assessoria técnica da Epagri para a obtenção do SISBI por parte do Consórcio, que reúne os municípios de Balneário Rincão, Içara, Criciúma, Forquilhinha, Nova Veneza, Siderópolis, Treviso, Lauro Mulller, Orleans, Urussanga, Cocal do Sul e Morro da Fumaça.