Queijo de leite de ovelha: opção de renda para a pequena propriedade rural

  • Post category:Mídia

No Alto Vale do Itajaí, no município de Petrolândia, Rubens Schmitz, Rosângela Erahardt e Kauê Honorato, filho de Rosângela, vivem um uma pequena propriedade rural. A área total é menor que 4 hectares.

O casal tinha planos de criar ovinos para corte, porém quando foram comprar os filhotes para a engorda, a cabanha tinha disponível apenas filhotes fêmeas.

Eles não se abalaram, apenas mudaram um pouco os planos. Ao invés de produzirem carne, investiriam em leite.

Para agregar valor ao produto, surgiu a ideia de produzir queijo na propriedade. Mesmo sem ter nenhuma experiência na área, a família encarou o desafio!

A atividade completou 2 anos recentemente e já são produzidas 70 peças de queijo de leite de ovelha por mês. De um total de 94 cabeças no rebanho, 19 estão em lactação. A ordenha dá em média 40 litros de leite por dia. Para garantir uma boa produção, a família recebe assistência da UFSC na elaboração dos queijos e da Epagri na criação dos animais.

Para facilitar o manejo com os animais, eles contam com um ajudante muito especial. O cachorro Coath, da raça Border Collie, obedece a todos os comandos de Kauê. O cão leva as ovelhas para o pasto e busca, quando ordenado.

Além de vários tipos de queijos que são vendidos no município, o casal ainda produz manteiga, requeijão, iogurte e nata para consumo da família. Tudo com o leite da propriedade.

O extensionista da Epagri de Petrolândia, Tomáz Pelizzaro Pereira, vê a produção de queijo de leite de ovelha uma excelente oportunidade para a pequena propriedade rural, pois é um produto de alto valor agregado, colaborando para a sustentabilidade da atividade agrícola e gerando renda pra família.

Pensando no futuro, o plano é aumentar o rebanho, investindo cada vez mais na produção de queijos.

Assista essa e outras reportagens no canal de vídeos da Epagri no YouTube.