Saúde do rebanho em gotas

A propriedade de Leandro e Rita de Cássia Esteves, do município de Forquilhinha, no Sul do Estado, é semelhante a muitas outras que trabalham com produção de leite em Santa Catarina. Pasto de qualidade, manejo eficiente e boas instalações para ordenha. O diferencial está no uso da homeopatia para tratar as enfermidades do rebanho leiteiro. Gotas valiosas que trazem saúde e tranquilidade às vacas leiteiras. “Hoje elas são mais calmas, dóceis e é bem mais fácil de lidar com o rebanho”, avalia a produtora Cássia, que tem um carinho especial com cada animal.

Durante o dia as 16 vacas em lactação e as duas secas ficam nos piquetes pastando. Quando chega a hora da ordenha, elas saem das áreas de pastagem e tranquilamente se dirigem ao galpão onde são ordenhadas. Ali, as vacas recebem um reforço na alimentação.  E, junto com a ração, são acrescentadas algumas gotinhas que fazem toda a diferença no tratamento das enfermidades. Leandro e Cássia optaram pela homeopatia para cuidar melhor de suas vacas. Eles previnem e tratam as doenças do rebanho de forma natural. Muitos problemas que atrapalham a produção de leite e causam prejuízos são solucionados com o tratamento homeopático.

Nos cursos que participaram e com a orientação técnica do extensionista rural da Epagri Marcelo Silva Pedroso, Leandro e Cássia aprenderam como e quando fornecer as doses de homeopatia. “Junto com o Marcelo nós avaliamos o comportamento dos animais, os problemas de saúde mais comuns e as características de cada um deles. Com base nos dados chegamos à conclusão de qual o medicamento mais apropriado”, conta Leandro.

A homeopatia veterinária é a aposta de muitos produtores para controlar os principais problemas do rebanho de maneira rápida, eficiente e com menos gastos. Além de vermes, carrapatos, moscas e bernes, o tratamento traz ótimos resultados no controle da mastite, inflamações nas glândulas mamárias que comprometem a saúde dos animais e a qualidade do leite. Marcelo diz que a homeopatia é recomendada para todo tipo de enfermidade, aguda ou crônica. “Há o mito de que o tratamento com homeopatia é mais demorado, mas não é verdade. Nas enfermidades agudas o resultado é muito mais rápido que qualquer outro tratamento”. O veterinário ressalta que uma mastite clínica por exemplo com muito inchaço e secreção é possível reduzir o problema em quase 50% de um dia para outro com o uso de medicamentos homeopáticos.

Veja a reportagem completa sobre homeopatia na produção de leite no canal da Epagri no YouTube.

 

 

 

, , , ,

© 1996 - 2019 Epagri. Direitos reservados