Mais de 1,1 mil pessoas participam do 13º Senafrut em São Joaquim

senafrut 2018 aberturaIniciou na manhã desta terça-feira, 12, a 13ª edição do Seminário Nacional sobre Fruticultura de Clima Temperado – Senafrut. Com mais de 1,1 mil participantes, o evento reúne técnicos, estudantes, pesquisadores, fruticultores, empresários e expositores, no Centro de Eventos Newton Stélio Fontanella, em São Joaquim. Considerado um dos principais eventos na área da fruticultura brasileira, o evento acontece até a próxima quinta-feira, dia 14.

A abertura oficial do evento contou com a presença de diversas autoridades, entre elas, o prefeito de São Joaquim, Giovani Nunes; o secretário adjunto de Estado da Agricultura, Athos de Almeida Lopes Filho; o presidente da Epagri, Luiz Ademir Hessmann; o deputado estadual Gabriel Ribeiro; o presidente da Faesc, José Zeferino Pedroso; o presidente da Associação dos produtores de Maçã e Pera de Santa Catarina, Rogério Pereira e o presidente da Associação dos Engenheiros Agrônomos da Serra Catarinense, Cristiano Arioli.

O coordenador do Senafrut e gerente da Estação Experimental d[GD1] a Epagri em São Joaquim, Marcelo Cruz de Liz, agradeceu a participação e ressaltou a importância do fortalecimento e da organização da cadeia produtiva da fruticultura.  “Sempre buscando elevar índices produtivos e a qualidade de seus produtos, gerando renda e qualidade de vida para todos, de maneira sustentável, com produtos mais limpos e seguros, e respeitando o homem e o meio ambiente”, destacou.

O Seminário Nacional sobre Fruticultura de Clima Temperado apresenta durante três dias, 22 palestras, com ministrantes nacionais e internacionais abordando diversos temas como: a  comercialização e mercado de frutas no Brasil e no mundo; fitorreguladores; adubação e podridões pós-colheita na fruticultura; fitossanidade; tecnologia de aplicação; manejo de plantas; vitivinicultura, clima e cultivares; e goiabeira-serrana e indicação geográfica.

O Seminário conta ainda com um espaço destinado para exposição dos pôsters dos resumos, resultados de mais de 220 trabalhos científicos inscritos. Além da parte técnica, mais de 50 empresa do setor participam da exposição de produtos, serviços, máquinas e implementos.

O Senafrut é uma promoção da Epagri, Prefeitura de São Joaquim, Governo do Estado de Santa Catarina, Associação dos Engenheiros Agrônomos da Serra Catarinense – Assea, Associação dos Produtores de Maçã e Pera de Santa Catarina – Amap e Embrapa.

Primeira palestra reforça a importância de informações e tecnologias no mercado atual

Com o tema “O rural brasileiro: sua situação atual e tendências futuras”, Dr. Zander Novaes de Navarro, da Embrapa, foi o primeiro palestrante do 13º Senafrut. Ele falou da necessidade do produtor se apropriar de informações e tecnologias para não ficar para trás “No mercado atual, os agricultores não irão sobreviver, no período adiante, se ele não se modernizar intensamente. Hoje o campo brasileiro é uma disputa por produtividade. Quem não conseguir aumentar sua produtividade vai ficar para trás, prejudicando seu negócio”, enfatizou.

Elenise Melo Nunes
Assessoria de Imprensa – 13º Seminário Nacional sobre Fruticultura de Clima Temperado