Cultura da Feijoa é tema de livro que terá pré-lançamento no 13º Senafrut

FeijoaTambém conhecida popularmente como goiabeira-serrana, a feijoa é tema do livro “Cultura da Feijoa”, que terá seu pré-lançamento durante o 13º Seminário Nacional sobre Fruticultura de Clima Temperado, realizado de 12 a 14 de junho, no Centro de Eventos Newton Stélio Fontanella, em São Joaquim.

Uma das Organizadoras da publicação, a pesquisadora da Epagri, Marlise Nara Ciotta explica que o livro disponibiliza um conjunto de informações técnicas para a produção da feijoa. “A goiabeira serrana apresenta características que facilitam o cultivo comercial. É uma cultura adequada à agricultura familiar e possui uma baixa exigência de insumos, quando comparados a culturas como maçã, pêssego e uva, entre outras, permitindo uma produção com mínimos riscos de contaminação do ambiente e da saúde dos seus consumidores”, apontou.

Editado pela Epagri, o livro conta com a colaboração de 23 autores/pesquisadores, representantes da Epagri e dos parceiros da UDESC, UFSC, IFC, Embrapa, Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Universidade Federal da Fronteira Sul, Ministério do Meio Ambiente e Universidade de Montevideo do Uruguai. A publicação, que possui onze capítulos, distribuídos em mais de 200 páginas é resultado de um trabalho em conjunto, que abrange todas as etapas do conhecimento da cultura, com destaque para a sua importância, origem, disseminação, técnicas de plantio, cultivares, manejo durante o ciclo, até a colheita e pós colheita dos frutos.

A feijoa é uma espécie nativa do Sul do Brasil, que tem despertado interesse do consumidor, devido ao sabor dos frutos, que podem ser consumidos in natura ou processados para a elaboração de doces, salgados e bebidas.

Os estudos com a espécie iniciaram na década de 80 pela Epagri e após parceria com a UFSC,  em 2007 e 2008 foram lançadas quatro cultivares comerciais.  Os trabalhos de pesquisa se intensificaram para buscar resultados que embasem e possibilitem o cultivo comercial rentável e sustentável da espécie. Atualmente a região de São Joaquim possui 15 produtores da fruta, distribuídas em cerca de 9 hectares e uma produção de 62 toneladas de feijoa.

O pré-lançamento do livro “A Cultura da Feijoa” será no dia 13 de junho, às 15 horas. O livro estará disponível a partir do segundo semestre de 2018.

Outra novidade para o Seminário é a palestra que vai abordar a experiência do cultivo da feijoa na Colômbia, ministrada pelo Doutor Omar Camilo Quintero da Universidade Nacional da Colômbia e será realizada no dia 14. Para participar os interessados devem fazer suas inscrições pelo site senafrut.com.br. Assim como em anos anteriores, a Estação Experimental e os Escritórios locais da Epagri também podem fazer as inscrições que tem o valor de R$ 100,00 para o público em geral e R$ 60,00 para estudantes. Os escritórios da Amap e da Assea também estão credenciados a fazer as inscrições.

Elenise Melo Nunes
Assessoria de Imprensa – 13º Seminário Nacional sobre Fruticultura de Clima Temperado
elenisemelo07@gmail.com / (49) 991481016