Associados da Coopema conhecem experiência de cooperativismo no Planalto Norte

urupema2Associados da Cooperativa Agropecuária de Urupema (Coopema) terminaram 2017 com uma atividade diferente: eles fizeram uma excursão até o município de Monte Castelo, no Planalto Norte do Estado, para visitar a Cooperpomares (Cooperativa dos Fruticultores do Planalto Norte Catarinense). O objetivo foi conhecer a experiência daquele grupo para implantar em Urupema.

A Coopema é a primeira organização de produtores criada no município, em 2012, composta basicamente por agricultores familiares. Atualmente conta com 23 associados. Através do apoio da Epagri e do Programa SC Rural, o grupo conseguiu subsídio para cobrir 40% do valor de investimento necessário para iniciar o funcionamento da sua estrutura de recepção, armazenagem e classificação de maçãs. “A Coopema pretende começar a operar a partir da próxima safra, com estrutura de armazenagem pronta e parte da produção classificada, embalada com marca própria, agregando valor a fruta produzida”, diz o extensionista rural de Urupema, engenheiro-agrônomo Cristian L. de Medeiros.

Como a Coopema está em fase inicial de desenvolvimento estrutural e organizacional, foi urupemaarticulada essa excursão para conhecer a Cooperpomares, que é uma cooperativa semelhante e que já está mais estruturada e atuando no mercado da maçã. A viagem foi viabilizada através da parceria entre a Epagri, Coopema e Prefeitura Municipal de Urupema.

No dia da visita, o extensionista rural de Monte Castelo, engenheiro-agrônomo Josinei Antonio Tissi, deu início à programação apresentando a história da Cooperpomares através de fotos registradas a cada etapa da evolução do grupo de produtores, a situação atual, os apoios e parcerias firmadas que colaboraram para o desenvolvimento da cooperativa.

O presidente da Cooperpomares, Rodimar Antônio Piroli, o secretário Pedro P. Cardoso e o tesoureiro e assistente técnico Daniel Grein Neto falaram sobre a organização, produção e comercialização das frutas, respondendo as questões levantadas e trocando experiências com os visitantes.

Na parte final, foi possível conhecer a atual estrutura de packinghouse e câmaras frigoríficas da Cooperpomares, os equipamentos utilizados e mão de obra necessária, além de todo o processo desde a recepção dos frutos e armazenagem até a embalagem em caixas de 18 Kg por categoria e classificação.

Segundo o Presidente da Coopema, Inácio da Cruz de Souza, o ponto forte da visita foi o aprendizado e a troca de experiências entre os dois grupos de produtores. “Esperamos que logo a Coopema consiga atingir o nível que se encontra a Cooperpomares”.

Para o extensionista de Urupema, há um esforço e parceria de várias instituições, como Epagri, Prefeitura Municipal e IFSC Campus Urupema para que o “Projeto Coopema” avance e se torne mais um caso de sucesso na região serrana.