Caibi traz novidades em dia de campo sobre fruticultura

caibi fruticulturaA produção de frutas é a principal atividade na propriedade do agricultor Francisco Provensi, de Linha São José, interior de Caibi. A propriedade, que também é uma Unidade de Referência Técnica da Epagri, sediou no dia 22 de  junho mais uma edição do tradicional dia de campo em fruticultura, que nesta edição contou com algumas inovações. Além das tradicionais atividades em poda e enxertia de uvas e pêssegos e preparo de caldas para tratamento de inverno,  foram abordados assuntos sobre a poda de rejuvenescimento de citros, a cobertura de parreiral e as novas variedades de uva. Participaram agricultores e técnicos de vários municípios da região.

Segundo o extensionista da Gerência da Epagri de Palmitos, Sidinei Egon Simon, os assuntos caibi fruticultura2tratados no evento são pertinentes à época e visam proporcionar aos fruticultores da região o conhecimento para que possam desenvolver suas atividades de maneira cada vez mais profissional. “Isso vai proporcionar aos consumidores frutas cada vez mais saudáveis, com excelente padrão visual e que atendam as exigências do mercado consumidor”, afirma.

Segundo os instrutores, orientar os produtores sobre as práticas de poda e tratamentos de inverno faz com que as plantas cresçam com menos problemas fitossanitários na primavera. Isso diminui a necessidade de aplicação de agrotóxicos e, desta forma, o consumidor terá à sua mesa frutos mais saudáveis e de qualidade, além de diminuir em muito os custos de produção e o uso caibi fruticultura3da tão escassa mão de obra familiar.

Os agricultores presentes também elogiaram a organização do evento, destacando principalmente a pertinência da época de realização e da utilização a propriedade da família de Francisco, que por servir como Unidade de Referência Técnica em fruticultura possui entre suas atividades o cultivo de diversas variedades de uva, pêssego, nogueira pecã e goiaba, permitiu sanar várias dúvidas sobre o mais variados temas.