Agricultores de Iraceminha aprendem sobre conservação do solo

conservacao solo iraceminhaDiscutir técnicas de preservação do solo e da água foi o objetivo de um evento realizado na propriedade rural da família Trombetta, em Iraceminha, no dia 28 de abril. O encontro “Práticas de uso, manejo e conservação de solo e água” foi promovido pela Epagri em parceria com a Secretaria de Agricultura de Iraceminha e o Curso de Agronomia da Unoesc – Campus de Maravilha.

O interesse pela produção mais sustentável foi um dos motivos que levou os agricultores a participar do evento. O pesquisador da Epagri Leandro do Prado Wildner fez uma palestra sobre formação de solos, consequências e resultados do uso inadequado desse recurso.

Em outra etapa, no campo, os engenheiros-agrônomos Clístenes Guadagnin e Sidinei Simon apresentaram problemas do solo e sugeriram práticas conservacionistas. Eles abriram uma trincheira e analisaram, com os participantes, a profundidade da camada compactada, que dificulta a infiltração de água e afeta o desenvolvimento das plantas. “O uso inadequado pode levar à perda de funções fundamentais do solo”, ressaltaram.

Os agricultores puderam compreender que o manejo correto e a preservação do solo também são fundamentais para a economia de dinheiro público, pois resultam em melhor conservação das estradas, manutenção da biodiversidade e redução do assoreamento de rios e barragens. Ao mesmo tempo, o agricultor perde menos insumos e tem menos prejuízo com secas e enxurradas na lavoura.